Um dos maiores programas de ensino do País abre as matrículas para mais um processo seletivo. Trata-se do Educa Mais Brasil (EMB), projeto que disponibiliza bolsas de estudo em diversas instituições particulares de ensino.

Na Bahia, são 47.390 bolsas oferecidas para o semestre 2017.1, com 70% ou até 100% de desconto. O programa conta com a adesão de cerca de 15 mil instituições parceiras e inscreve estudantes de todas as regiões do país. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas até 15 de janeiro, no site www.educamaisbrasil.com.br.

Para participar, o candidato deve preencher alguns pré-requisitos. “Não ter condições de arcar com uma mensalidade integral através da avaliação da renda familiar, além de não ser aluno matriculado na instituição de ensino para a qual pleiteia a bolsa”, explica Andréia Torres, Diretora de Expansão e Relacionamento do Educa Mais Brasil.

“Se tratando do ensino superior, é requerido que o estudante não esteja estudando há pelo menos seis meses”, ressalta Andréia.

Acesso

O EMB é uma iniciativa do setor privado, que surgiu há 13 anos, com o intuito de amenizar os problemas sociais e financeiros que acompanham grande parte dos brasileiros e dificultam o acesso à educação de qualidade.

“O programa tem como missão fortalecer o setor educacional sendo uma importante alternativa para os pais e estudantes que não têm condições de pagar a mensalidade integral em instituição de ensino particular”, reitera a diretora.

“Ao permitir esse acesso à educação, por meio de uma bolsas de estudo, o programa também contribui com o desenvolvimento do País, principalmente em oportunizar a qualificação de mão de obra”, conclui.

Apesar de possuírem o mesmo objetivo básico, o Fundo de Financiamento Estudantil (FIES), Programa do Governo Federal, não tem qualquer vínculo com o financiamento privado feito pela EMB.

O EMB oferece bolsas de até 50% para cursos de Graduação, Pós-Graduação, Educação Básica, Cursos Técnicos, Cursos Profissionalizantes, Idiomas, Preparatório para Concursos, Pré-Vestibular e EJA – Educação para Jovens e Adultos.

Ofertas

Entre os cursos ofertados estão: enfermagem, fisioterapia, engenharia, letras, nutrição, jornalismo, administração, biomedicina, odontologia, medicina veterinária e direito, além de cursos de idiomas (inglês, espanhol, italiano, francês), linguagem brasileira de sinais (Libras) e profissionalizantes, como segurança do trabalho, informática, entre outros.

Dentre as instituições que disponibilizam vagas na Bahia estão a Unime, Estácio, Unijorge, Unifacs, FTC, Fael, Pitágoras, Unopar, UNIP, Colégio Sagrado, Escola Nobre, Colégio Evolução, Colégio Acadêmico , projeta Cursos, ECID, Pet Cursos e A Federal Concursos.

“Desde quando concluí o ensino médio tinha vontade de adentrar à universidade, porém as condições financeiras não ajudavam”, conta Jeferson Maia de Oliveira, 22, estudante do primeiro semestre de administração da Faculdade Dom Pedro II, um dos 400 mil alunos que foram beneficiados pelo EMB em todo o Brasil.

Em 2017, estima-se que cerca de 2 milhões de pessoas se inscrevam. “ Vendo como um todo, hoje a condição financeira é o maior empecilho para ter acesso ao nível superior”, relata o jovem, que ficou sabendo do EMB através de um colega de trabalho.

“A maior dificuldade foi achar uma vaga para bolsa de 50%. Porém a forma de adesão do programa é super prática e as opções de pagamento também. Gosto da praticidade”, completa. Para maiores informações e detalhes sobre o processo de inscrição estão disponíveis no site oficial: www.educamaisbrasil.com.br.

Ana Esther Gomes

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentário!
Digite seu nome aqui