Tiago Marques | Redação 96FM

O ano legislativo ainda não começou, mas já tem vereadores trabalhando para mostrar serviço aos seus eleitores. Quatro anos passam rápido e dez dias já se foram, no entanto novatos buscam se destacar na Câmara Municipal e usam as redes sociais para promoverem suas ações.

De partidos diferentes, mas com pautas em comum, Vanderlei de Ceraíma (PPS) e Homero Castro (PSD) representam Ceraíma e Morrinhos. Eles foram até Caetité na última sexta-feira (06) para conversar com André Brandão, diretor do Núcleo Regional de Educação – NRE 13. Na pauta do encontro, a viabilização da implantação da extensão do ensino médio nos dois distritos. “Muitas pessoas que trabalham, gostariam de estudar, mas ter que se deslocar do distrito para a sede torna-se muito cansativo e tira toda a vontade”. Ressaltou Vanderlei em nota.

Na segunda-feira (09) eles voltaram a tratar do assunto, desta vez com a secretária de Educação Maristela Cavalcante. Os vereadores saíram satisfeitos dos encontros e devem contar com o apoio do prefeito Jairo Magalhães para viabilizarem o pleito, através da oferta de contrapartidas necessárias.

As professoras Juscélia Paes de Morrinhos e Ivana Freitas (Leda), diretora da Escola Colônia Agrícola de Ceraíma, também participaram da reunião. Os dois vereadores não possuem nem o  ensino fundamental completo, mas não querem que as próximas gerações continuem passando por dificuldades para prosseguir com os estudos.

Antes disso, Vanderlei foi na segunda-feira (02) à sede do 17º Batalhão de Polícia Militar onde entregou ao comando um ofício solicitando que o policiamento em Ceraíma seja ampliado, abrangendo o Núcleo, a Vila e as adjacências do Campus do IF Baiano.

Homero Castro ainda apareceu ao lado do prefeito neste domingo no distrito de Morrinhos. Eles foram visitar uma localidade para buscaram a viabilização da ampliação de uma rede de água da Embasa para mais de 400 residências em comunidades na região do distrito.

Fabrício Lopes

Outro vereador que procurou mostrar serviço logo no começo foi Fabrício Lopes (PSD). Ele usou as redes sociais para informar que solicitou aos gerentes das agências de bancos do município que respeitem a Lei Municipal Nº 246/2008 que estabelece os limites entre 15 e 30 minutos para atendimento nos caixas convencionais das agências bancárias.

“É inconcebível, perceber o nível de atendimento dos bancos locais, com uma estrutura defasada e pequena, diante do porte econômico de Guanambi!! Como primeira medida de mandato, solicitei explicações as agências bancárias de Guanambi, como forma de entender melhor o que realmente está acontecendo!! Os lucros dos bancos sempre foram enormes, mas o seu atendimento à população só faz declinar!! Além de solicitar as devidas explicações, criamos um modelo de reclamação para ser feita e acompanharmos essa cobrança junto a Secretaria de Fazenda do Município e no Banco Central!! A população e o empresariado local querem mais respeito dos bancos e tenham certeza, estarei cobrando, pessoalmente, as devidas medidas para melhorar o atendimento à população!! ” Disse o vereador em publicação.

Fabrício também criou um formulário para reclamações junto à secretaria de Fazenda do Município.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentário!
Digite seu nome aqui