Redação 96FM

Um acordo entre a Renova Energia e a AES Tietê pode selar a venda do complexo eólico do Alto Sertão II por R$650 milhões. A empresa do grupo norte-americano tem 45 dias de exclusividade na compra, podendo o preço sofrer alterações durante o período de negociação.

A negociação deve trazer alívio financeiro à Renova Energia, que precisa de caixa para tocar seus investimentos bilionários. Já a AES Tietê deseja se posicionar no mercado de geração de energia eólica. “A potencial aquisição contribuirá para a estratégia de crescimento da AES Tietê de, até 2020, compor 50% de seu Ebitda com fontes não hidráulicas com contratos regulados de compra e venda de energia elétrica de longo prazo, reiterando o compromisso dos seus acionistas com o investimento no país”, afirmou a empresa em nota.

As usinas do complexo que fica na região de Caetité  tem capacidade de geração de 386 megawatts. São 15 parques eólicos que já estão em operação e fornecem 181,6W no mercado regulado de energia elétrica. No início do mês foi anunciado que o negócio estaria em curso, na época as cifras citadas foram de R$700 milhões.

Com a venda a Renova deverá se reestruturar para continuar suas obras. “A administração da companhia (Renova) ressalta que a transação está integralmente alinhada com a estratégia de readequação da estrutura de capital, que visa garantir a sustentabilidade dos negócios da companhia no longo prazo”, afirmou a empresa em nota.

A Renova esclareceu também que o negócio será concretizado somente a adequação dos termos do contrato de compra e venda de ações.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentário!
Digite seu nome aqui