Em Destaque na imagem ‘Marcílio Cigano’, à esquerda os veículo da vítima e dos autores e dois suspeitos presos

Redação 96FM

Foi registrado na manhã desta segunda-feira (30), o primeiro homicídio do ano de 2017 em Guanambi. Salvador Oliveira Dourado, conhecido pelo apelido de Marcílio Cigano, foi executado a tiro na Av. Governador Nilo Coelho, nas proximidades do DETRAN.

Quatro indivíduos a bordo de um veículo VW Spacefox de cor preta abordaram Marcílio que estava em uma caminhonete Fiat Strada. Eles efetuaram quatro disparos de arma de fogo que foram suficientes para tirar a vida do cigano, um dos disparos atingiu o rosto da vítima. No veículo de Marcílio foram encontrados mais de R$7 millhões em promissórias e cheques.

Os suspeitos então empreenderam fuga pela BR-030 sentido Palmas de Monte Alto, no entanto acabaram batendo o veículo a poucos metros do local do crime. Eles tiveram que abandonar o Spacefox após uma colisão com outro carro e fugiram a pé. Dentro do Spacefox foi encontrada uma espingarda, o veículo possui placas de Pelotas no Rio Grande do Sul.

A polícia foi acionada para atender à ocorrência e iniciou patrulhamento para localizar os indivíduos, dois deles foram localizados na Av. Barão do Rio Branco, eles pularam muros para se esconder em lote, houve troca de tiros, um dos suspeitos foi atingido e morreu no local, outro foi preso. Um terceiro suspeito fretou um moto-taxista para fugir, no entanto a polícia interceptou a moto em Pindaí e prendeu o suspeito. A polícia ainda procura um quarto indivíduo que teria participado do crime. A identidade dos presos ainda não foi informada, mas trata-se de pessoas vindas do estado de Minas Gerais.

Marcílio tem passagens pela polícia por diversos crimes, recentemente ele morava em Matina. Mais informações no 96 Notícias 2ª Edição a partir das 17h. Ouça a 96FM pelo site ou pelo aplicativo.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentário!
Digite seu nome aqui