Redação 96FM

Mais uma vez os usuários dos serviços de transporte intermunicipal da empresa Novo Horizonte passaram por riscos. Uma passageira fez o relato de um problema que por pouco não terminou em tragédia, a professora Diane Neves publicou em seu perfil no Facebook contando o drama que viveu a bordo do ônibus na última segunda-feira (30).

A professora embarcou no ônibus convencional da empresa na rodoviária de Caetité para ir para Salvador na linha que sai de Urandi. Ela conta que ouviu um barulho estranho, como se as rodas estivessem folgadas. O veículo parou em Brumado e cerca de 30 minutos após a saída, uma das rodas traseiras do ônibus se soltou e o veículo seguiu arrastando sem as rodas por alguns metros.

Daine ainda reclamou do descaso da empresa que não deu nenhuma satisfação aos usuários do serviço, além de demorar para mandar socorro ao motorista. Por fim, ela pediu que o Ministério Público tome providências para cobrar da empresa que melhore seus serviços.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentário!
Digite seu nome aqui