Foto: André Dusek – Estadão

G1 Grande Minas

A Prefeitura Municipal de Espinosa, no Norte de Minas, decretou luto oficial de três dias, após a morte do pai da Ministra do Supremo Tribunal Federal, Cármen Lúcia. Florival Rocha tinha 98 anos, era empresário na cidade e morreu na madrugada desta quinta-feira (09).

De acordo com o secretário de comunicação do município, Wagner Oliva, o corpo deve ser velado e enterrado na capital mineira. O decreto de luto oficial foi publicado na manhã desta quinta.

O G1 procurou a assessoria de comunicação do Supremo Tribunal Federal, mas o órgão ainda não se posicionou. A família também não foi encontrada para falar sobre a causa da morte.

Na semana passada a ministra foi vista em Montes Claros, onde chegou ao aeroporto em voo comercial, alugou um carro e foi até Espinosa visitar a família.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentário!
Digite seu nome aqui