O ex-presidente Lula aparece com vantagem na corrida presidencial de 2018, segundo pesquisa CNT/MDA, divulgada nesta terça-feira (19). O petista lidera as intenções para 1º turno tanto na pesquisa estimulada quanto na espontânea. Dos 6 cenários de 2º turno pesquisados, aparece em 3 e lidera todos. Na pesquisa para 1º turno com respostas espontâneas, Lula tem 20,2% das intenções de voto. Na última edição da pesquisa, em fevereiro de 2016, o petista tinha 16,6% das intenções. O aumento nos números é maior que a margem de erro da pesquisa, de 2,2 pontos percentuais. Na 2ª colocação da pesquisa espontânea está o deputado Jair Bolsonaro. Ele subiu de 6,5% das intenções para 10,9%. João Doria foi citado espontaneamente por 2,4%. Marina Silva, por 1,5%. Também foram lembrados o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (1,2%), Ciro Gomes (1,2%), o senador Álvaro Dias (1%), a ex-presidente Dilma Rousseff (0,7%). O atual presidente Michel Temer ficou com apenas 0,4% das menções. A maior queda é do senador Aécio Neves (PSDB-MG). Ele aparece com 0,3%. Em fevereiro, a taxa era de 2,2%. Entre os entrevistados, 21,2% afirmaram que votarão nulo ou em branco. Os indecisos são 37%. Na pesquisa estimulada de intenção de voto para 1º turno, Lula aparece como o preferido de 32% dos entrevistados no seu pior desempenho. No melhor cenário para o petista, 32,7% votariam nele. Em todos os 3 cenários estimulados, Jair Bolsonaro é o 2º colocado. Ele tem de 18,4% a 19,8% das intenções. Em fevereiro, Marina Silva ocupava a 2ª posição. O levantamento da CNT/MDA foi realizado de 13 a 16 de setembro em 137 municípios de 25 unidades federativas. A margem de erro da pesquisa é de 2,2 pontos percentuais, para mais ou para menos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentário!
Digite seu nome aqui