Um policial militar à paisana, lotado na 34ª CIPM, foi atingido por um disparo de arma de fogo na noite deste domingo (24), durante uma cavalgada na comunidade do Tamboril, zona rural de Brumado. O capitão Valmarí Junior, subcomandante da companhia local, relatou ao site Achei Sudoeste que houve um desentendimento durante o evento entre alguns seguranças e um cavaleiro por conta do cavalo que atrapalhava o circuito da festa. O policial estava próximo quando começou a confusão. Um homem que se sentiu agredido teria saído do local ameaçando retornar e atirar contra o policial, o que aconteceu momentos mais tarde. Com uma arma de caça, do tipo escopeta, o atirador efetuou o disparo e atingiu o policial à paisana pelas costas, na altura do ombro e no pescoço. Um adolescente de 13 anos também foi atingido pelo disparo. As vítimas foram socorridas e encaminhadas ao Hospital Professor Magalhães Neto. Mesmo considerado fora de risco, o policial militar foi encaminhado para Vitória da Conquista por conta do inchaço na região afetada. Na unidade, ele passará por outros procedimentos mais minuciosos. Já o adolescente ficou com um projétil de chumbinho alojado no pescoço, mas está fora de risco. O agressor fugiu após a confusão. A polícia esteve na casa do suspeito, onde encontrou duas armas de caça e munições. A expectativa é que o acusado compareça à delegacia para prestar esclarecimentos sobre o ocorrido.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentário!
Digite seu nome aqui